IMPAIRMENT - como aplicar a redução ao valor recuperável de ativos.

  • 19 Alunos matriculados
  • 004 Horas de duração
  • 25 Aulas
  • 16 Módulos
  • 1 Avaliação
  • 4 Meses de suporte
Parcele em 12x R$ 28,16 (ou R$ 289,00 à vista)
Comprar Agora Dê um passo adiante em sua carreira!
Laudelino Jochem

IMPAIRMENT - COMO APLICAR A REDUÇÃO AO VALOR RECUPERÁVEL DE ATIVOS.


RESUMO

Olá seja bem-vindo (a) ao treinamento IMPAIRMENT  - COMO APLICAR A REDUÇÃO AO VALOR RECUPERÁVEL DE ATIVOS apresenta de maneira simplificada e prática os procedimentos que devem ser adotados para fins da análise e do teste de recuperabilidade dos ativos.

Após uma visão geral sobre o tema, o treinamento percorre as principais normas específicas que tratam sobre Impairment, como: estoques, ativos e contratos, tributos a compensar, benefícios a empregados, instrumentos financeiros, propriedades para investimentos, ativos biológicos e produtos agrícolas, intangíveis advindos de direitos contratuais de companhias de seguros e os ativos não circulantes mantidos para venda e operação descontinuada.

Em seguida, serão apresentados os principais indicadores de desvalorização que devem ser observados na análise da recuperabilidade e os métodos para estimar o valor recuperável pela venda e pelo uso de ativos individuais, bem como das Unidades Geradoras de Caixa.

Por fim, o treinamento demonstra os cuidados tributários e os ajustes necessários quando do reconhecimento de perdas.

Bons estudos!

Professor Laudelino Jochem


  1. CONCEITOS E DEFINIÇÕES

Neste tópico serão apresentados os principais conceitos e definições ligados ao tema, visando facilitar a aprendizagem ao longo do treinamento.


  1. PORQUÊ FAZER A ANÁLISE DA RECUPERABILIDADE DE ATIVOS – IMPAIRMENT

Neste módulo serão apresentados os motivos que obrigam as entidades a realizarem a análise da recuperabilidade dos ativos.


  1. REGRAMENTO PARA REALIZAR A ANÁLISE DE RECUPERABILIDADE

Neste tópico serão apresentadas as regras e as normas para que seja possível realizar a análise da recuperabilidade dos ativos – Impairment.


  1. NORMAS ESPECÍFICAS
    1. ANÁLISE DA RECUPERABILIDADE DOS ESTOQUES

Muitas normas de contabilidade tratam sobre a questão da recuperabilidade dos ativos. Quando existem normas específicas, elas devem ser aplicadas. Na ausência delas a regra geral, a NBC TG 01 deve ser aplicada. Neste tópico, será apresentada a análise da recuperabilidade dos estoques.


  1. ANÁLISE DA RECUPERABILIDADE DOS ATIVOS DE CONTRATOS.

Neste tópico serão apresentadas as peculiaridades para realizar a análise da recuperabilidade dos ativos de contratos.


  1. ANÁISE DA RECUPERABILIDADE DOS TRIBUTOS A COMPENSAR

Neste tópico serão apresentadas as peculiaridades para realizar a análise da recuperabilidade dos tributos a compensar.


  1. ANÁLISE DA RECUPERABILIDADE DOS BENEFÍCIOS A EMPREGADOS

Neste tópico serão apresentadas as peculiaridades para realizar a análise da recuperabilidade dos benefícios a empregados.


  1. ANÁLISE DA RECUPERABILIDADE DOS INSTRUMENTOS FINANCEIROS

Neste tópico serão apresentadas as peculiaridades para estimar o valor das perdas esperadas a serem reconhecidas para os instrumentos financeiros.


  1. ANÁLISE DA RECUPERABILIDADE DAS PROPRIEDADES PARA INVESTIMENTOS

Neste tópico serão apresentadas as peculiaridades para realizar a análise da recuperabilidade das propriedades para investimentos.


  1. ANÁLISE DA RECUPERABILIDADE DOS ATIVOS BIOLÓGICOS E PRODUTOS AGRÍCOLAS

Neste tópico serão apresentadas as peculiaridades para realizar a análise da recuperabilidade dos ativos biológicos e produtos agrícolas no ponto de colheita.


  1. ANÁLISE DA RECUPERABILIDADE DOS ATIVOS DIFERIDOS E ATIVOS INTANGÍVEIS ADVINDOS DE DIREITOS CONTRATUAIS DE COMPANHIAS DE SEGUROS.

Neste tópico serão apresentadas as peculiaridades para realizar a análise da recuperabilidade dos ativos diferidos e ativos intangíveis advindos de direitos contratuais de companhias de seguros.


  1. ANÁLISE DA RECUPERABILIDADE DOS ATIVOS NÃO CIRCULANTES MANTIDOS PARA VENDA E OPERAÇÃO DESCONTINUADA

Neste tópico serão apresentadas as peculiaridades para realizar a análise da recuperabilidade dos ativos não circulantes mantidos para venda e operação descontinuada.


  1. VISÃO GERAL SOBRE RECUPERABILIDADE DE ATIVOS – IMPAIRMENT

A partir das principais contas do balanço patrimonial, será demonstrado neste item, como fazer a análise da recuperabilidade dos ativos.


  1. INDICADORES DE DESVALORIZAÇÃO

A NBC TG 01 do CFC – Conselho Federal de Contabilidade estabelece os requisitos mínimos a serem observados como indicadores de desvalorização. Tais indicadores serão apresentados neste tópico.


  1. MENSURAÇÃO DO VALOR RECUPERÁVEL

Existem duas metodologias para mensurar o valor recuperável de ativos e de unidades geradoras de caixa. Neste tópico serão apresentadas essas metodologias.


  1. CONTABILIZAÇÃO DAS PERDAS

Quando uma perda é apurada é preciso realizar a contabilização da mesma. Neste tópico, será apresentada como essa perda deve ser contabilizada.


  1. REVERSÃO DA PERDA POR DESVALORIZAÇÃO

Neste tópico serão apresentadas as possibilidades em que a perda reconhecida pode ser revertida.


  1. OUTRAS SITUAÇÕES.

A questão do Impairment, quando da aplicação prática, apresenta diversas situações que exigem conhecimento específico do contador. Neste tópico, serão apresentas as principais situações.


  1. FLUXOGRAMA DA APLICAÇÃO DA ANÁLISE DE RECUPERABILIDADE

Visando facilitar a aprendizagem foi elaborado um fluxograma de aplicação prática. Neste tópico será apresentado este fluxograma.


  1. NOTAS EXPLICATIVAS SOBRE IMPAIRMENT

Tanto nos casos de análise, quanto nos dos testes efetivos de recuperabilidade de ativos são exigidas notas explicativas. Neste tópico será apresentado o rol de notas exigidas.


  1. TRATAMENTO TRIBUTÁRIO DO RECONHECIMENTO DE PERDAS

Reconhecer uma perda por não recuperabilidade de ativos no resultado, exige cuidados tributários para garantir a neutralidade tributária. Neste tópico serão apresentados os cuidados necessários.

4 Meses Sem tempo para fazer o curso agora? Não tem problema.
Você poderá participar desse curso até 4 Meses após a matrícula.
Nenhuma descrição cadastrada.
Laudelino Jochem
""


Conteúdo Programático

  • 1. NAVEGANDO NO CURSO
  • 2. PONTUAÇÃO NO EPC
  • 1. DOWNLOAD DOS MATERIAIS DE APOIO
  • 1. ROTEIRO
  • 1. CONCEITOS E DEFINIÇÕES
  • 1. PORQUÊ FAZER A ANÁLISE DA RECUPERABILIDADE DE ATIVOS – IMPAIRMENT
  • 1. REGRAMENTO PARA REALIZAR A ANÁLISE DE RECUPERABILIDADE
  • 1. 4.1. ANÁLISE DA RECUPERABILIDADE DOS ESTOQUES
  • 2. 4.2. ANÁLISE DA RECUPERABILIDADE DOS ATIVOS DE CONTRATOS.
  • 3. 4.3. ANÁLISE DA RECUPERABILIDADE DOS TRIBUTOS A COMPENSAR
  • 4. 4.4. ANÁLISE DA RECUPERABILIDADE DOS BENEFÍCIOS A EMPREGADOS
  • 5. 4.5. ANÁLISE DA RECUPERABILIDADE DOS INSTRUMENTOS FINANCEIROS
  • 6. 4.6. ANÁLISE DA RECUPERABILIDADE DAS PROPRIEDADES PARA INVESTIMENTOS
  • 7. 4.7. ANÁLISE DA RECUPERABILIDADE DOS ATIVOS BIOLÓGICOS E PRODUTOS AGRÍCOLAS
  • 8. 4.8. ANÁLISE DA RECUPERABILIDADE DOS ATIVOS DIFERIDOS E ATIVOS INTANGÍVEIS ADVINDOS DE DIREITOS CONTRATUAIS DE COMPANHIAS DE SEGUROS.
  • 9. 4.9. ANÁLISE DA RECUPERABILIDADE DOS ATIVOS NÃO CIRCULANTES MANTIDOS PARA VENDA E OPERAÇÃO DESCONTINUADA
  • 1. VISÃO GERAL SOBRE RECUPERABILIDADE DE ATIVOS – IMPAIRMENT
  • 1. INDICADORES DE DESVALORIZAÇÃO
  • 1. MENSURAÇÃO DO VALOR RECUPERÁVEL
  • 1. CONTABILIZAÇÃO DAS PERDAS
  • 1. REVERSÃO DA PERDA POR DESVALORIZAÇÃO
  • 1. OUTRAS SITUAÇÕES
  • 1. FLUXOGRAMA DA APLICAÇÃO DA ANÁLISE DE RECUPERABILIDADE
  • 1. NOTAS EXPLICATIVAS SOBRE IMPAIRMENT
  • 1. TRATAMENTO TRIBUTÁRIO DO RECONHECIMENTO DE PERDAS
  • AVALIAÇÃO FINAL
Voltar ao topo